quinta-feira, 7 de agosto de 2014

Ideias de poupança de outros... e os congelamentos e deambulei de novo...

Fonte: http://activa.sapo.pt/arquivo/2009-12-11-como-chegar-ao-final-do-mes-com-dinheiro
Notas minhas a outra cor ...

O especialista em finanças pessoais Pedro Queiroga Carrilho dá algumas dicas no seu livro O seu Primeiro Milhão - Como poupar e fazer crescer o seu dinheiro (Ed. Lua de Papel): 

- Identifique os seus 'objectos da desgraça', ou seja os bens materiais a que tem dificuldade em resistir. Não tenho... ok, afinal tenho, brinquedos para elas... roupinha para elas... basicamente coisas para elas... raios... 

- Faça um mapa de cashflow. Habituar-se a olhar para as suas finanças com regularidade em vez de apenas no início e no fim de cada mês vai ajudá-la a controlar as despesas. Por acaso faço sim... assim que recebemos os ordenados, eu como trabalhadora da área faço logo... hehehehe... mas tenho imensos.. a uns chamo orçamento mensal, a outras previsões de despesa... é sempre engraçado como nunca bate certo... ohbalhamedeuze...

- Diminua o número de vezes que vai as compras. Se se organizar para fazer compras apenas num dia do mês poupa em deslocações e resiste mais facilmente às tentações dos supermercados e centros comerciais. Fazemos isso... mas nem sempre é possível porque tentamos aproveitar os descontos e isso faz com que haja por vezes (muitas) gastos a mais do que previsto...

- Compre usado. É possível encontrar muitas pechinchas em excelentes condições. Sim com as meninas... encontrámos a loja Kid to Kid que é fantástica, brinquedos e roupas... 

- Tenha apenas um cartão de crédito Quase não temos nenhum mas é... mas sim temos um.. chega bem ...

- Pague as compras em dinheiro. Ao ver a rapidez com que o dinheiro real sai do bolso é mais fácil controlar os gastos. Pois isso não... acho que se o levantamos ele desaparece num instantinho!

http://www.rtp.pt/noticias/index.php?article=758215&tm=6&layout=122&visual=61

Basicamente ... são conselhos como tantos outros... mas o problema não está em comprar o que não se deve porque vamos com FOME  às compras, ou ter mais do que um cartão de crédito ou ter um mapinha com os gastos e orçamentos e coiso e tal... o problema é que desde que comecei a trabalhar tenho mais filhos e menos dinheiro... 
Eu também não me importava que agora me viessem congelar as minhas contas milionárias (de certo as que teria nas Seychelles ou noutra offshore qualquer me permitiriam sobreviver... ) se tivesse andado a vida toda a viver à cista das falcatruas dos meus familiares... ok ok importava-me sim... causa-me comichão as pessoas que pensam assim... que se fossem eles também faziam e aconteciam.. e metiam ao bolso porque o povo gosta é disto... eh pah.. será possível que não há forma de limparmos esta PORCARIA toda? será que não é possível ter um país de onde não iremos precisar de sair para viver condignamente...
e pronto estou já a deambular.. ando cansada, cansada de ver tanto FDP (filhas isto não é acrónimo nenhum são letras ao calhas;)) a viver às custas de enterrar este país e ainda ter a P da lata de dizer que o Tuga quer é viver do subsídio... FDP FDUSP é o que eles são todos.. canerbus...

Sem comentários:

Enviar um comentário